Microcimento e cimento afagado

Há alguns anos, ter a casa em “cimento” seria um pensamento inconcebível para a maioria de nós. No entanto, novas tendências de decoração, mais despojadas e um tanto ou quanto industriais, tornaram o cimento numa possibilidade que merece a nossa consideração. A VINTAGE OBRAS desvenda-lhe agora todos os segredos sobre o microcimento e o cimento afagado.

 

PEDIR ORÇAMENTO PARA MICROCIMENTO E CIMENTO AFAGADO:

 

Os orçamentos são gratuitos.

 

Após pedir orçamento será contactado no decorrer dos dois dias seguintes.

 

A nossa equipa técnica analisará a sua obra e poderá ajudá-lo na escolha das melhores soluções tendo em conta a relação preço/benefício.

 

Faça o seu pedido de orçamento.

Garantimos profissionalismo, qualidade e cumprimento de prazos.

Simulação de Custos

Não precisa esperar para ter uma ideia do custo da sua remodelação. Faça aqui uma simulação!

Saiba Mais
Tabela de Preços

Os nossos orçamentos são rigorosos. Trabalhamos com preços justos e tabelados. Confira aqui!

Saiba Mais
Pedir Crédito

A pensar em si criámos uma parceria com a CETELEM. Simule aqui um pedido de crédito!

Saiba Mais

A decoração industrial

A decoração industrial tornou-se uma tendência à medida que as antigas fábricas de Nova Iorque foram sendo reabilitadas para se tornarem edifícios de habitação. Em alguns deles, os proprietários optaram por manter visível a alvenaria, os tubos elétricos e até tijolos, o que dava aos apartamentos um aspeto autêntico e cru. Com o passar dos anos, os designers de interiores e os decoradores começaram a tornar-se fãs do estilo, que permite misturar materiais improváveis como azulejos, madeiras, metais, vidros, ardósias e cimento.

Surpreendentemente, o microcimento e o cimento afagado revelaram-se não só um sucesso em termos estéticos, mas também como uma solução eficiente, prática e económica. Hoje, são um dos materiais mais usados por designers de interiores e decoradores quer em espaços habitacionais, quer em espaços comerciais.

 

Pavimento de microcimento

Microcimento no pavimento.

Microcimento pavimento de quarto

Microcimento no pavimento.

Microcimento pavimento

Microcimento no pavimento.

Porquê usar Microcimento e Cimento Afagado?

Como já mencionámos, o microcimento e o cimento afagado são soluções práticas. Ambos os materiais são resistentes e duradouros que necessitam de uma manutenção residual – água e sabão neutro. Mas estas não são as únicas vantagens.

Tanto o microcimento como o cimento afagado são impermeáveis à água, o que os torna revestimentos ideais para as casas de banho e cozinhas. No entanto, o microcimento pode ser usado não só em pavimentos, mas também em paredes, bancadas e tetos (veja as diferenças entre microcimento e cimento afagado mais à frente), o que dá total liberdade aos designers de interiores para explorar o seu uso em espaços comuns.

Nas casas de banho, o microcimento usa-se em paredes e bases de duche, balcões, bancadas e jacuzzis. Nas cozinhas, é costume usar-se no chão, bancadas e paredes.

E se receia que se optar por estes materiais estará a assinar uma sentença de tons de cinza, asseguramos-lhe que ambos os materiais têm um elevado nível de personalização. Estão disponíveis em várias cores, texturas e formas, o que lhe permitirá criar um ambiente original sem aumentar a dificuldade da obra. Conte com a nossa equipa para encontrar a tonalidade ideal para a sua casa!

 

Cimento afagado e microcimento

Microcimento no pavimento.

Microcimento e cimento afagado casa de banho

Microcimento no pavimento e paredes.

Microcimento pavimento de cozinha

Microcimento no pavimento.

Microcimento versus Cimento Afagado

O cimento afagado é a técnica mais antiga e também a mais económica. De uma forma simples, é uma mistura de cimento com uma espécie de areia (betonilha). Quando aplicada na superfície queima-se, resultando numa crosta fina. Não é um pavimento contínuo e, embora hoje em dia seja comum aplicar um acabamento em verniz, o resultado final é bem diferente do obtido com o microcimento.

O microcimento é produzido em laboratório, daí o seu preço mais avultado. Na sua composição há componentes em pó e componentes líquidos à base de aglomerados e resina. É isto que lhe dá dureza, estabilidade e outras características únicas.

Em primeiro lugar, o microcimento tem uma grande vantagem – pode aplicar-se nos três planos de construção, chão, paredes e teto. Além disso, pode ser usado tanto em interiores como em exteriores. O cimento afagado apenas pode ser usado no chão.

Em segundo lugar, o cimento afagado precisa de mais camadas do que o microcimento – 1 a 3 mm de espessura, divididos em várias mãos. Este último permite, portanto, encurtar o tempo de aplicação e, consequentemente, o tempo de obra. As remodelações feitas com microcimento produzem menos entulho, barulho e pó e trazem poucos incómodos para os clientes da VINTAGE OBRAS.

Em terceiro lugar, o microcimento é altamente aderente, o que significa que pode ser aplicado sobre qualquer superfície não deformável – azulejos, mosaicos, tijolos, betonilha, autonivelante, gesso, argamassa, mármores. Dos materiais habitualmente usados na construção em Portugal, só não poderá ser aplicado em madeira. E este é outro  motivo pelo qual o microcimento diminui consideravelmente o tempo de obra em remodelações.

Por último, realçamos que o microcimento, por ter substancialmente menos cimento que o cimento afagado, não fissura.

 

Microcimento e cimento afagado sala

Microcimento no pavimento.

Microcimento e cimento afagado pavimento e paredes

Microcimento no pavimento e paredes.

Pavimento de microcimento e cimento afagado

Microcimento no pavimento e paredes.

Uso em exteriores

Alguns microcimentos são impermeáveis à água e permeáveis ao vapor de água, o que os torna especialmente aptos para o revestimento de piscinas.

Mas este não é o único uso do microcimento em exteriores. Por ser resistente a fissuras, este material é cada vez mais usado em garagens, terraços, escadas e até fachadas.

 

[contact-form-7 id="52340" title="Contact form principal (pedido de orçamento)"]